Bolsonaro afirma que tem orgulho da operação que flagrou senador com dinheiro na cueca


  • Nenhum comentário
  • Destaques

O presidente afirmou que a operação contou com o apoio da Controladoria-Geral da União (CGU), do ministro Wagner Rosário, o que comprova que o governo está atuando contra a corrupção

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira que a operação da Polícia Federal que encontrou dinheiro dentro da cueca do senador Chico Rodriges (DEM-RR), vice-lider do governo no Senado, não tem relação com o seu governo e é prova de que não há proteção de ninguém. Segundo o presidente, a operação é um “é fator de orgulho” para o governo.

– Lamento o desvio de recurso, seria bom que não houvesse, porque, afinal de contas, quando você desvia dinheiro da saúde, inocentes morrem, então a operação de ontem é fator de orgulho para o meu governo – disse a apoiadores no Palácio da Alvorada.

Ele acrescentou que o seu governo é composto pelos ministros, presidentes de estatais e dos bancos públicos e que, em dois anos, não houve casos de corrupção. No entanto, não disse se iria ou não tirar Rodrigues do posto de vice-lider no Senado.

Alguns acham que toda a corrupção tem haver com o governo. Não [tem]. Nós destinamos dezenas de bilhões de reais para estados e municípios, tem as emendas parlamentares também, e, de vez em quando, não é muito raro, a pessoa faz uma malversação desse recurso. Agora, a CGU ta de olho, a nossa Polícia Federal tá de olho – disse, acrescentando:

– Se um vereador faz algo de errado, eu não tenho nada a ver com isso. Ou melhor, eu tenho para ir para cima dele, com a Polícia Federal se for o caso, com o apoio da CGU, é isso que nós fazemos – afirmou.

O presidente afirmou que a operação contou com o apoio da Controladoria-Geral da União (CGU), do ministro Wagner Rosário, o que comprova que o governo está atuando contra a corrupção.

– Nós estamos combatendo a corrupção, não interessa quem seja a pessoa suspeita – disse.

Questionado por um apoiador se poderia gravar um vídeo com ele, Bolsonaro, que tem evitado fazer gravações devido às eleições, pediu que o homem não criasse “problema” para ele.

– Não me dá problema, pessoal, por favor. Já tenho problema para caramba para resolver que não são meus – comentou.

Oliberal


Mais do Portal F5


  • Destaques

Alerta falso de bomba em Paris causa evacuação no Arco do Triunfo

Toda a região ao redor do Arco do Triunfo, no oeste de Paris, foi bloqueada...

  • Destaques

Incêndio atinge Hospital Federal no Rio de Janeiro

Um incêndio atingiu o Prédio 1 do Hospital Federal de Bonsucesso, na Zona Norte do Rio,...

  • Destaques

Operação da PF no Pará resulta em prisão de servidor do Instituto Evandro Chagas

Um mandado de prisão preventiva e dois de busca e apreensão estão sendo cumpridos nesta...