Decotelli decide deixar o MEC nesta terça


  • Nenhum comentário
  • Destaques

O presidente Jair Bolsonaro, nomeou o professor, Carlos Alberto Decotelli da Silva para o cargo de Ministro da Educação.

Nomeado para o Ministério da Educação, o professor Carlos Decotelli entregou nesta terça-feira (30) sua carta de demissão ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido). O pedido foi aceito pelo presidente, que já estuda novos nomes para a pasta. De acordo com fonte, a análise inclui novos nomes para a pasta.

Decotelli teve a nomeação publicada no Diário Oficial da União na última quinta-feira (25), mas não chegou a tomar posse, que estava marcada para esta terça-feira (30) e já havia sido adiada.

Decotelli teve a nomeação articulada pelos ministros militares do Planalto. As incoerências no seu currículo, no entanto – instituições disseram que ele não tinha concluído etapas que ele dizia ter concluído – deixaram os ministros constrangidos. Decotelli chegou a alterar o próprio currículo na plataforma Lattes após as contestações.

Apesar da perda de apoio, a ala militar teme que a pasta volte a um nome ideológico, como era o caso dos ministros anteriores -Ricardo Vélez Rodriguez e Abraham Weintraub.

R7


Mais do Portal F5


  • Destaques

Pagamento ‘delivery’ de energia elétrica está disponível em Parauapebas

A partir desta segunda-feira (13), os clientes da Equatorial Pará dos municípios de Marabá e...

  • Destaques

Caso de jovem picado por naja no DF ganha fama e entrega esquema criminoso

A ‘naja de Brasília‘, como ficou conhecida por ter picado o estudante de veterinária Pedro...

  • Destaques

Esposa de Queiroz se apresenta na Polícia para prisão domiciliar

Márcia Aguiar, mulher do policial militar aposentado Fabrício Queiroz, apresentou-se à polícia na noite de...