Criança é morta a facadas durante briga entre colonos


  • Nenhum comentário
  • Destaques

Uma criança de apenas 1 ano e 6 meses foi morta a golpes de faca, na noite deste domingo (4), durante um discussão por causa de dinheiro, entre dois colonos no PA Raylander, localizado a 60 km de Parauapebas, zona rural de Marabá.

A vítima, uma criança de apenas 1 ano e 4 meses morreu por receber 2 facadas

Segundo informações, o pai da criança, Antonisio Moreira Silva, 37 anos, estava na casa do vizinho, quando o acusado, Emivaldo Costa, mais conhecido como Seu Negão, invadiu a residência para cobrar uma dívida de R$ 50 reais e tentou agredi-lo. Pouco depois que a discussão começou, Antonisio retornou para sua casa, onde se encontrava o filho e a esposa. Seu Negão novamente invadiu a casa da vítima e retomaram o atrito.

A senhora Lenir Andrade, esposa de Antonisio, ao ver os colonos brigando, tentou separá-los, mas também foi ameaçada. Seu Negão armado com uma faca tomou a criança nos braços, que estava dormindo no colchão, e o fez de refém, desferindo dois golpes na criança, um nas costas e outro no peito. O pai tentou defender o filho, mas também foi ferido com uma facada.

O acusado, Emivaldo, Seu Negão, quase foi linchado pela população

Desesperada a mãe da criança buscou ajuda com um vizinho a cerca de 300 metros de distância da sua residência, este, prestou os primeiros socorros à família. A criança foi levada às pressas ao hospital, em Parauapebas, ainda com vida, mas antes que chegassem à zona urbana, faleceu nos braços do pai.

Pai da vítima, Antonilson, foi ferido tentando salvar o filho

Na delegacia, o vizinho Etânio Amorim, que prestou socorro ao casal, emocionou-se ao presenciar o óbito da criança. “Nada justifica um homem tirar a vida de uma criança de 1 ano e 6 meses, a golpes de faca, fazendo a criança de refém. Fizemos esforço de salvar, mas somos limitados”, expressou ele.

Emivaldo, que foi agredido por populares no assentamento, ferido no ombro por uma arma branca e atingido por balas de chumbo, também foi trazido ao hospital por populares, local onde a Polícia Militar o abordou e o prendeu. Ele vai responder por homicídio e tentativa de homicídio. O pai da vítima, Antonisio, também foi atendido e está fora de risco.

Com informações de Caetano Silva


Mais do Portal F5


  • Destaques

O silêncio pode matar! Se está para baixo, triste ou mal, Fale!

A ONG Como Vai Você (CVV) atua fornecendo apoio emocional e na prevenção do suicídio...

  • Destaques

Valmir da Integral se pronuncia sobre especulações de inelegibilidade

Diante das recentes especulações e divulgações de notícias nas redes sociais de cunho eleitoral, o...

  • Destaques

Luiz Viera lançará livro “O Caminho das Estrelas” neste sábado

Lançamento de mais uma obra literária do professor, escritor e secretário de Educação em Parauapebas...